Publicado 31/01/15 às 10:00

Desabafo de Um Coronel

*Por Jorge Damasceno
 Eu havia feito uma promessa de não escrever sobre esse assunto. Mas me perguntam tanto qual minha opinião? Resolvi quebrar a promessa e me manifestar. Então vamos lá. Não fico chocado com a morte de policiais. Pois isso, faz parte do trabalho e da profissão escolhida espontaneamente por nós. 

Eu fico é chocado com a morte de 10 a 15 pessoas todo final de semana em Brasília. Mas somente daqueles que não possuem envolvimento com a criminalidade. Mas sim, aqueles que saem para se divertir e não voltam. Como por exemplo, a morte de cobradores e demais trabalhadores. Isso sim me choca. 

Qual o problema para isto estar acontecendo no DF e quais as soluções possíveis? Em primeiro lugar é preciso entender, o porquê da criminalidade crescer tanto na nossa capital. Fatores como as drogas, falta de emprego e outros são uma das causas.  

Mas o maior problema é que estamos na segunda ou terceira geração de criminosos. Raciocinem Brasília tem 54 anos. Os primeiros criminosos eram de lugares diferentes do país. Eles foram criados juntos e conhecem o local com a palma da mão. Portanto, são mais ousados, e o maior problema: a Policia Militar perdeu completamente, a capacidade de proteção à população. 

Deixamos de ser uma polícia preventiva para ser uma polícia de socorro. Não existem planejamentos de contenção da criminalidade. Os policiais militares estão envelhecidos com mais de 60% do efetivo acima dos 20 anos de serviço.
Operações, tais como a operação aeroporto, mini pontos de bloqueio, anel maior, anel menor não são mais executadas. A polícia deve ser hoje preventiva e repressiva ao mesmo tempo.

Não adianta somente saturar uma área com viaturas, pois, os bandidos irão assaltar na quadra ao lado. Ao contrário de que algumas pessoas falam, o serviço de Policia Militar é amparado em cinco base: inteligência, comunicações, recursos humanos, logística e informática. 
 As autoridades de segurança pública devem com urgência providenciar um choque de gestão no planejamento operacional preventivo da PMDF. Refazer as linhas que dividem as áreas de responsabilidades das UPMS. 

Utilizar o geoprocessamento diariamente para mapear a criminalidade, redistribuir recursos humanos e meios rodantes e acima de tudo chamar a tropa para conversar. Pois nenhuma empresa do mundo seja ela pública ou privada prospera sem que seu público interno esteja satisfeito.

Pronto falei!

*Jorge Damasceno é Coronel da reserva da Polícia Militar do DF (PMDF)

Publicado às 09:13

Formula Indy: GDF lança nota de esclarecimento



O Governo do Distrito Federal acatou solicitação do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) para que fosse suspensa a etapa de abertura da Fórmula Indy. A Promotoria de Defesa do Patrimônio Público e Social recomendou à Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap) que não licitasse ou empenhasse valores para as obras no autódromo por entender que o compromisso entre a gestão anterior e a empresa promotora da Fórmula Indy "é lesivo aos cofres públicos". 

Os promotores levaram em consideração o cenário financeiro em que se encontra o Distrito Federal e destacaram que custear o evento violaria os interesses da sociedade com a "flagrante inversão de prioridades nas despesas públicas". No documento, o MPDFT também esclarece não haver penalidade prevista para o rompimento unilateral do contrato.

Publicado às 06:00

Um Passarinho Me Contou



...que o clima entre o governador Rodrigo Rollemberg e alguns deputados distritais não anda nada bem...

...que o governador Rollemberg firma compromisso em um dia e no dia seguinte sua equipe, o convence a mudar de ideia...

...que com o Xerifão, Dr. Michel  foi assim, ganhou Sobradinho II em um dia e perdeu no outro. 

...que a presidente da Câmara Legislativa, Celina Leão(PDT) conseguiu a administração do Riacho I em um dia e perdeu no outro.

...que a tão falada Administração do Riacho Fundo I foi o foco de todas as intrigas...

...que Estêvão Reis está tonto de tanto ser jogado pra lá e pra cá, já passou efetivamente por Sobradinho I...

...que depois passou por Sobradinho II, depois subsecretaria antidrogas, depois Sobradinho II de novo.

...que Cristiano Araujo conseguiu a administração do Guará em um dia e perdeu no outro...

...que com isso o governador Rollemberg está virando vilão e perdendo toda a credibilidade...

...que a equipe do governador é apontada como a principal responsável e culpada  por tantos desarranjos nas articulações...

...que o ex-diretor do Detran-DF, Saraiva Neto foi vítima de sacanagem política, foi chamado para ser adjunto, mas no dia seguinte puxaram o seu tapete...

...que o atual Secretario de Obras está abrindo uma entrada privativa em sua sala na Secretaria, entrada que permitirá  só ele entrar e sair do órgão...

...que o governador Rodrigo Rollemberg é uma pessoa bem intencionada e do bem, aponta um deputado distrital...

...que esse mesmo deputado distrital, alertou que apesar ser do bem, o governador não anda muito bem acompanhado...

...que os petistas e ex-petistas desempregados amam de paixão o governador Rodrigo Rollemberg...

Eita Passarinho que sabe de coisas, gente!

Por Odir Ribeiro 

Fonte: Redação  

Publicado às 18:17

Delmasso quer explicações para aumento da conta de água

O deputado distrital Rodrigo Delmasso (PTN) vai apresentar requerimento pedindo a convocação do secretário de Meio Ambiente, André Lima, do presidente da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa), Vinícius Fuzeira de Sá e Benevides.

Além do presidente da Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb), Maurício Luduvice.
O parlamentar quer saber o motivo real do reajuste de tarifa de água em 16,20%, o maior do país. “Não estou convencido com as explicações dadas até o momento”, afirma Delmasso.

Fonte: Redação 

Publicado às 17:25

Xerifão fica de fora

O deputado distrital Dr.Michel(PP) esteve perto de ter a Administração Regional de Sobradinho II em suas mãos. Mas aos 45 do segundo tempo, as negociações entraram água e o Xerifão continua fora da base governista. "Não tivemos acordo algum e por enquanto fico de fora de governo,"  disse Michel ao blog. 

O imbróglio na composição da base Rodrigo Rollemberg é tanto que até o Diário Oficial desta sexta-feira,30, veio sem nomeações.  

Fonte: Redação 

Publicado às 16:15

Higino recebe ex-ministro do Supremo



Momento social. 

O empresário e articulista político Higino França (PPL) recebeu nesta sexta-feira, 30, o ex-ministro do Supremo Tribunal, Ayres Brito. O local escolhido foi a Casa da Moldura, empreendimento de Higino. Sobre política a dupla não quis falar, mas o passarinho registrou o encontro. 

Fonte: Redação 

 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados