12/03/2018 às 11:33

Um breve resumo da dança das cadeiras partidárias


Uma das que devem mudar de partido é Leila Barros, a Leila do Volei. A atual Secretaria de Esportes deve ir para o PSB para disputar Senado ou deputada distrital.

Na dança das cadeiras quem definiu seu destino partidário foi o Professor Jordenes recém-filiado ao PTB de Alírio Neto. Em 2014 Jordenes teve 10.924 votos. 

O deputado distrital Rodrigo Delmasso recém-saído do Podemos pode ir para o PTC.

O deputado distrital Robério Negreiros está de saída do PSDB e o Podemos está na mira. 

O ex-secretário de Saúde Fábio Gondim se filiou ao Avante e irá disputar uma cadeira de deputado federal.

O vice-presidente da Câmara Legislativa, Wellington Luiz pode sair do PMDB.

O ex-secretário de Saúde Rafael Barbosa está ma mira do PMDB e PTB. Rafael irá disputar uma cadeira de deputado distrital. 

Jaqueline Silva que em 2014 obteve  9.444 votos para deputado distrital está mira do PTB e vai para a disputa mais uma vez. 

O policial militar e ex-administrador da Candangolândia, Hermeto que em 2014 obteve  9.444 pode não se filiar ao PMDB. 

Raad Júnior filho do ex-deputado distrital Raad Massouh está na mira de vários partidos entre eles: Avante, PSDB e PSC. Júnior irá disputar uma vaga de distrital. 

O radialista Toninho Pop está sendo convidado por vários partidos para disputar uma cadeira de deputado federal.

A deputada distrital Sandra Faraj está tentando se filiar ao PR para tentar a reeleição, mas encontra resistências na legenda. 

Se o empresário Paulo Octávio não for feliz no PP, o PRB e PSD já lhe ofereceram legenda para disputar o Senado.

Izalci Lucas disse que o PSDB está de portas abertas para Eduardo Pedrosa Filho. "Ele se filia a hora que quiser," disse o pré-candidato ao governo


Fonte: Redação 

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados