19/12/2017 às 18:26

Desconstruindo candidaturas: Eliana Pedrosa


Dando continuidade a serie: Desconstruindo Candidaturas. Hoje iremos falar da ex-deputada, empresária e  vice-governador, presidente do Podemos-DF, Eliana Pedrosa. As eleições de 2014 nunca irão sair da memória de Eliana. A sua ida PPS fez com que desse um passo atrás na sua carreira política. 

Para quem não se lembra depois de desistir da candidatura Pedrosa foi ser vice do então líder das pesquisas José Roberto Arruda. o "careca" com problemas judicais ficou fora do jogo, a vez era de Eliana. Mas a direção nacional do PPS puxou o tapete da empresária e ela foi ser candidata a deputada federal, não foi eleita. Só dá um Google para entender a história. 

Hoje vida que segue Eliana foi para o Podemos do senador e presidenciável,  Alvaro Dias e de cara deu uma bica no deputado distrital Rodrigo Delmasso. Com certeza Rodrigo irá sair da legenda. Nas articulações para ser cabeça de chapa isso pegou muito mal, nos confidenciou um dos pré-candidatos ao Palácio do Buriti. 

A empresária ainda não se viabilizou como candidata ao Governo e nas negociações seu nome é pouco falado para ser a líder de uma coligação. Todos os outros postulantes vêem Eliana disputando uma vaga na Câmara Dos Deputados e de vez em quando o Senado. 

O maior problema de Eliana Pedrosa é caseiro todos os postulantes ao Buriti principalmente da direita são bens claros em dizer quem atrapalha a ex-deputada é o seu irmão Eduardo Pedrosa muito conhecido nos bastidores. 

Dizem que Eduardo é um verdadeiro articulista isso amedronta as articulações.  Outro problema é o seu sobrinho Dudu Pedrosa, filho do Eduardo, que é pré-candidato a deputado distrital. É confuso assim mesmo. 

Os pré-candidatos a deputado distrital não entram no Podemos temendo a filiação de "Dudu" e assim serem bucha de canhão do clã Pedrosa. 

Outra coisa que talvez os articuladores comentam é se a postulante é uma pessoa de direita centro-direita ou até mesmo centro-esquerda. Nas mesas de negociações essa é questão apesar de diminuta e muito mais falada. 

Mais uma situação nessa saramandaia, Eliana uma hora se articula com os envagelicos e já chegou até cogitar ser vice de Jofran Frejat. Isso embola a cabeça de que  tentar compor com a empresária. 

O que poucos sabem é Eliana e Eduardo não toleram mais o ex-governador José Roberto Arruda a treta entre eles é forte. A maioria dos candidatos estão sendo ou são manipulados por Arruda de alguma forma. Essa pendenga com o "careca" ainda irá dar muito pano para a manga e até mesmo atrapalhar "Os Pedrosas."

 Resumo:

1 - A sombra de Eduardo Pedrosa atrapalha Eliana 

2 - Os passos do seu sobrinho Dudu enfraquece a nominata do Podemos 

3 - Eliana não está pontuando nas pesquisas de opinião e isso a coloca em último lugar 

4 - A postulante ao Buriti precisa mostrar que não é desagregadora e trazer partidos para o seu projeto majoritário. 

5 - A treta com Arruda é séria e nos bastidores a chance de um dos dois lados se  ferir é grande. 

6 - Caso Dudu Pedrosa se filie ao Podemos pode quebrar a nominata com toda certeza. 2014 que o diga. 

7 - O fantasma de 2014 ainda paira. Será que Eliana aprendeu a lição?

8 - Os outros partidos não acreditam nas pretensões majoritárias de Eliana. 

9 - Eliana deveria tentar ser vice de Frejat, concorrer ao Senado ou até mesmo deputado federal. 

Na próxima matéria iremos falar de Izalci Lucas 

Fonte: Redação

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados