20/11/2017 às 01:06

O desmaio da vergonha


A política desse país e principalmente de Brasília estão uma porcaria, ninguém tem dúvidas disso. O caso do menino morador do Paranoá que desmaiou de fome em um escola pública do Cruzeiro é uma das coisas mais revoltantes que já vi. Dói o coração e as palavras me faltam. A vida de uma pessoa depende basicamente de Educação seja ela em casa ou na escola. 

Eu até hoje considero a escola um templo sagrado nos 80, 90 eu convivi nesse tempo e era assim. Essa época tão escassa de tudo, a escola era um prazer a merenda era maravilhosa e as refeições servidas eram um alívio no orçamento familiar.  O colégio era o melhor lugar para se estar. 

O futuro das gerações depende de escola e professores. Não há formula mágica. A saída de uma situação de pobreza está em uma sala de aula. E a Educação desse país está em último plano. 

O caso do menino que desmaiou por falta de alimentação só mostra que o sistema político  não quer saber de pessoas. Valem mais os egos dos nossos políticos pavões. Enquanto isso, escolas públicas e o Estado estão falidos na sua totalidade. 

O governador Rodrigo Rolemberg, os deputados distritais, a classe política deveria ir até esse menino e sua família pedir desculpas. A falência política de Brasília afeta diretamente o seu povo. 

O desmaio desse menino devido a fome deveria ser motivo para todos nós não conseguirmos colocar  a  cabeça no travesseiro. Esse tapa na cara foi em toda a sociedade brasileira. 

Está Dito! 

Fonte: Redação

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados