21/03/2017 às 22:29

Operação Drácon: uma meia vitória

DANIEL FERREIRA/METRÓPOLES

A sessão do Tribunal de Justiça do DF(TJDF) que ocorreu nesta terça-feira, 21, era esperado pelo meio político. Podemos dizer que: Celina Leão (PPS), Júlio César (PRB), Bispo Renato (PR), Cristiano Araújo (PSD) e Raimundo conseguiram uma meia vitória. O TJDF os transformou em réus da Operação Drácon,denúncia do Ministério Público foi aceita. A divergência estava em cima do deputado Raimundo Ribeiro ( leia aqui). 

Enfim, o maior perigo não era se tornar réu, mas sim, os cinco parlamentares serem afastados dos seus mandatos. Seus suplentes já estavam babando. Isso não ocorreu. 

O desembargador e relator da ação, José Divino queria o afastamento de 180 dias ou depois do julgamento. Mas os desembargadores admitiram a lentidão da justiça para se concluir um processo e por isso, não tomaram a drástica medida. 

Portanto, a  Operação Drácon ainda vai longe...longe...longe...

A carreira política do quinteto fica bem abalada. Não há dúvidas que todos irão disputar às eleições de 2018. O afastamento enterraria  a carreira política de todos. Mas a sessão do TJDF deu uma sobrevida aos cinco parlamentares. 

Com as redes sociais implacáveis, adversários sedentos por poder, população desacreditada com a classe política e outras coisas.

 O pior de tudo será pedir votos como réu. 

Uma meia vitória...

Fonte: Redação  

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados