03/01/2017 às 14:05

Por enquanto, CLDF não vai conseguir derrubar decreto


Atualmente as crises políticas viram saga. A da vez tem como pano de fundo o aumento das passagens de ônibus e metrô. Um cabo de guerra está sendo puxado pela Câmara Legislativa e o Palácio do Buriti. Nessa cena há dois protagonistas: o presidente da Câmara Legislativa Joe Valle (PDT) e o governador Rodrigo Rollemberg. O vice Renato Santana estava no meio e  já levou uma bica.

Os deputados distritais disseram a imprensa que iriam derrubar o decreto do governador. Só que entre querer e derrubar, há uma distância enorme. A maioria dos parlamentares viajaram ou viajarão. Alguns já vão curtir suas férias nesta terça-feira,3, e outros estão com os seus voos marcados para a quarta (4). 

Na próxima semana parlamentares chegarão ao DF. Porém outros estarão fora e a conta não fecha. Pelo menos, essa semana nada de sessão extraordinária.Na nossa contagem pelo menos oito distritais estariam em solo candango. Para conseguir  derrubar o decreto são preciso 13 deputados.  

O outro lado 

E mais: os parlamentares mais fieis, a Rollemberg não querem se indispor com o governador e desprezam a convocação de Joe. Eles defendem que aja uma revisão rigorosa nas gratuidades do transporte público. Para eles esse seria o caminho para a redução das passagens.

No primeiro tempo do jogo: Rollemberg 1 X Dissidentes 0 

Fonte: Redação 

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados