Publicado 21/11/16 às 09:55

Quer ser feliz? Então não se filie ao PPS-DF

Nesse final de semana o presidente nacional do PPS, Roberto Freire, foi indicado para ser Ministro da Cultura no governo Michel Temer. Essa indicação foi meio nada a ver. Roberto Freire e Cultura é a mesma coisa que falar que travesti é mulher. Não rima. 






Em Brasília o partido de Freire virou uma porta para enterrar  carreiras políticas. Quem se aventura em se filiar na legenda sente a má vibração do partido e logo cai em desgraça. Um das primeiras pessoas a sentir as energias negativas do PPS foi a ex-deputada distrital Eliana Pedrosa. 


Em 2014, Pedrosa era candidata a governadora e com um acordo conseguiu ser vice de Arruda. Mas uma intervenção nacional tirou Eliana do jogo e a chance de ser governadora. O arcaico Roberto Freire com a sua trapalhada a tirou da disputa. 

Já os deputados distritais Celina Leão e Raimundo Ribeiro, esse ano se filiaram ao PPS e, com um toque de mágica, tiveram suas carreiras abaladas. Ribeiro foi denunciado na Operação Drácon e Celina foi afastada da presidência da Câmara Legislativa para não voltar mais. 

Sem contar com o senador Cristovam Buarque que com certeza não será reeleito. 
Algumas coisas não são culpa do partido. Mas para os esotéricos e supersticiosos o PPS-DF é um partido bem pé-frio. Os fatos não deixam dúvidas disso. 

Quer ser feliz? Então não se filie ao PPS-DF. 

Está dito!

Fonte: Redação  

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados