Publicado 31/08/16 às 00:01

Coluna do Celson Bianchi

A versão 

A Administração de Samambaia enviou esclarecimento sobre a nomeação de Manoel Messias Santos para o Conselho Local de Planejamento Territorial, publicada ontem (30). "Todos os conselheiros foram eleitos na Conferência das Cidades, em 2013, tendo sua posse neste ano uma vez que só agora saiu a regulamentação", diz a nota. "Quem elegeu os conselheiros foram as pessoas que compareceram na conferência", completa. Recado dado!

Finalmente 

A Comissão de Assuntos Fundiários da Câmara Legislativa aprovou proposta que estabelece as regras para a regularização dos puxadinhos do comércio local da Asa Sul. O projeto altera a legislação de 2008. Para a presidente da Comissão, a construção de uma redação final só foi possível a partir do amplo debate entre empresários e Executivo. "O projeto que aprovamos hoje é fruto do trabalho conjunto do Executivo, do Legislativo e da comunidade. É uma grande conquista para toda a população do DF", destacou.


Mudança

Suspeito de levar computadores da Câmara Legislativa do Distrito Federal na véspera da decisão judicial que afastou os integrantes da Mesa Diretora, o assessor parlamentar Sandro Vieira foi exonerado do cargo de secretário legislativo ontem (30). Ligado à presidente afastada da Casa, ele passa a exercer o "cargo especial de gabinete". Com isso, o salário dele cai de R$ 11,9 mil para R$ 6,6 mil.


Mudança 2

De acordo com o deputado distrital Chico Vigilante (PT), Vieira foi visto colocando os computadores em seu carro pessoal na garagem da Câmara Legislativa do Distrito Federal na tarde anterior à ação policial de busca e apreensão na Casa. Segundo ele, a denúncia foi feita por um servidor da Casa, que preferiu manter o anonimato.

Homenagem

A Câmara Legislativa comemorou o 40º aniversário da Federação de Umbanda e Candomblé de Brasília e Entorno. A iniciativa foi da deputada distrital Luzia de Paula (PSB). A parlamentar reforçou a motivação da homenagem. "Tendo em vista as histórias de lutas da Federação em defesa das religiões de matrizes africanas e dos movimentos em defesa dos negros é necessário comemorar a data. É preciso reconhecer a relevância dessa iniciativa para a comunidade do DF e entorno", diz Luzia de Paula.

Rebate

O deputado federal Rogério Rosso (PSD) usou as redes sociais para rebater a tese do PT de que o impeachment é um golpe. "É ofensivo no meu modo de ver tratar de golpe ou de golpistas aqueles que com convicção  e transparência defendem a Constituição e o ato em curso no Senado. Quem preside esse processo é o presidente do Supremo Tribunal Federal, o ministro Ricardo Lewandowski, e não nos parece que ele seja um dos protagonistas desse eventual golpe a Constituição", escreveu. 


REFLEXÃO DO DIA

"É abominável a pessoa que manda derrubar a casa de alguém. Ainda mais quando essa ordem vem de uma autoridade".

Pedro Passos - ex-deputado distrital

Fonte: Jornal Alô Brasília

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados