Publicado 06/04/16 às 00:37

Palácio do Buriti tenta barrar CPIs

O Palácio do Buriti está fazendo de tudo para impedir a CPI da Saúde na Câmara Legislativa. O deputado Lira(PHS) foi o primeiro apresentar a CPI e conta com 18 assinaturas e já pode começar a funcionar. Ainda nessa esteira o deputado distrital Rodrigo Delmasso(PTN) apresentou a CPI da Pedofilia. 

Pelo regimento da CLDF só duas CPIs podem funcionar ao mesmo tempo. Atualmente está em andamento a CPI dos Transportes, portanto, só há mais uma vaga.

O impasse na CLDF é grande e os deputados distritais não se entendem. Alguns parlamentares querem que as investigações comecem a partir de 2007. Já a CPI protocolada pelo deputado Lira(PHS) faz com que as apurações só ocorram a partir de 2011. "Eu defendo 2011 porque podemos fazer um trabalho com mais qualidade," explicou o parlamentar. 
Já Rollemberg e companhia agem pesado para impedir a CPI da Saúde, a desculpa é que uma investigação irá atrapalhar o funcionamento da Secretária de Saúde já que funcionários administrativos seriam deslocados para ajudar nos trabalhos. 

A verdade - A moral da história é que o governador não quer saber de investigações na Câmara Legislativa e vai fazer de tudo para barrar essa CPI. E mais: se investigar a fundo pode até mesmo sobrar para o atual governo. 

Podemos dizer que as CPIs são os pontos fracos de qualquer governo. Que se abra os balcões de negócios. 

A briga entre o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha(PMDB-RJ) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva está emocionante. Falo mais no vídeo abaixo.



Fonte: Redação 

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados