Publicado 09/12/15 às 07:00

Pulou fora

O tema postos de combustíveis quase causou uma saia justa entre petistas na Câmara Legislativa na tarde desta terça-feira, 8. Durante a sessão ordinária, os deputados iriam discutir dois projetos. Um era de Chico Vigilante, que pretende liberar a instalação de postos em supermercados e outros estabelecimentos. 

O outro é de Wasny de Roure. Ele propunha uma moção de louvor - ou seja, iniciativa para elogiar - para manifestar louvor a realização do ciclo de debates ambientais feito pelo Sindicombustíveis -DF. O problema é que o presidente desta entidade é João Carlos Ulhôa, preso na Operação Dubai da Polícia Federal que desarticulou o cartel dos combustíveis que agia no DF.

Vendo a enrascada em que ia se meter, Wasny (como um gato) foi ligeiro e tirou a proposta da pauta. Agora imagine se ela passa? Seria o Vigilante para morder e Wasny para assoprar.

Fonte: Redação 

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados