Publicado 18/06/15 às 08:00

Estrutural o abandono do Estado. Até quando?

Um dos maiores retratos do abandono político no Distrito Federal, a cidade Estrutural, teve a visita dos ilustres deputados distritais. Na manhã desta quarta-feira (17) estiveram lá a presidente da Câmara Legislativa, Celina Leão (PDT), Ricardo Vale (PT), além de Luzia de Paula (PEN), representando respectivamente as Comissões de Direitos Humanos e de Assuntos Sociais. 

A visita foi no abandonado e vergonhoso bairro Santa Luzia. Uma história que beira o absurdo aconteceu por lá. Uma menina de 11 anos foi espancada e molestada. A denúncia é de que a criança pode ter sido utilizada como "moeda de troca" para pagar dívidas com traficantes de drogas. A 8ª Delegacia de Polícia investiga o caso. Inacreditável, surreal, e tudo isso em plena a capital do país. 

Os nobres parlamentares constataram o que muitos já sabiam. Por lá, o que existe é apenas a ausência completa do estado e a miséria corre solta. Violência, fome, tráfico de drogas e todas mazelas que a nossa imaginação não pode alcançar. O abandono de governos anteriores é um fato que ninguém pode negar. 

Mas, não podemos fechar os olhos para Estrutural na atual gestão. As autoridades precisam "invadir' a cidade até que as mazelas da cidade sejam sanadas. Uma solução definitiva para o lixão já seria o início. Eu, por várias vezes fui ao local e o cheiro do chorume é insuportável. Passei muito mal, e olha que nem convivo lá.  

Todos os políticos do Distrito Federal têm uma dívida histórica com a Estrutural. O estado precisa, com toda sua suntuosa estrutura, permanecer na cidade por tempo indeterminado. Passar o local a limpo. 

De fato, o que os deputados distritais constataram é que  líderes comunitários, como o Paulão da Estrutural, denunciam há bastante tempo. Só não enxergou quem não quis. Está dito!

Por Odir Ribeiro 

Fonte: Redação

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados