Publicado 02/03/15 às 10:00

Pesquisa mostra que moradores são contra a extinção das administrações



Moradores e lideranças são contra a extinção da administração do Núcleo Bandeirantes 
Por Angélyca Miranda da Agência Social Play

Uma pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa, Axiomas Brasil, revela que a população do Distrito Federal não é favor da extinção das Regiões Administrativas e, consequentemente, das suas respectivas administrações. Foram entrevistadas 1067 pessoas, cada área por seus relativos moradores. A margem de confiança da pesquisa é de 95%.

O Diretor Executivo da Axiomas, Godofredo Gonçalves, fala que é importante esta pesquisa,  porque deixa claro o que as pessoas realmente querem. “Isso mostra a vontade da população sobre as políticas feitas pelo Governo”. Segundo a Assessoria da Câmara Legislativa, o projeto ainda não foi protocolado.

A proposta que será apresentada pelo Governo está com embasamento na Lei Orgânica do Distrito Federal: Artigo 10 a 13, 15, inciso II e 100, inciso X.  Assim, depois da votação do projeto e sua aprovação será necessário mais um projeto de lei, onde irá definir a participação popular na escolha dos administradores.

 E logo depois, da publicação da lei, será necessário constituir os Conselhos Comunitários, com a função consultiva e fiscalizadora.

Lembrando que a pesquisa só foi feita em regiões administrativas que correm o risco de serem extintas. 
               
Vejam os números 
            Candangolândia
A favor: 2,67%                                 

Contra: 97,33%

Cruzeiro e Octogonal

A favor: 4,76%                                   

Contra: 95,24%

Fercal

A favor: 1,10%                                   

Contra: 98,90%

Jardim Botânico

A favor:  7,60%                                 

Contra: 92,40%

Núcleo Bandeirante

A favor: 1,20%                                    

Contra: 98,80%

Park Way

A favor: 18,25%                                  

Contra: 81,75%

SIA

A favor: 9,52%                                   

Contra: 90,48%

Varjão

A favor: 13,67%                                 

Contra:86,33%


Fonte: Redação 

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados