Publicado 20/03/15 às 14:13

A via-crucis da sociedade e dos aprovados da Polícia Civil


Aprovados da PCDF com o líder do governo Júlio César 
Uma das maiores aberrações é essa questão dos concursos públicos. O cidadão faz o concurso, gasta uma fortuna e na hora de ser chamado fica ver navios. Sei de pessoas que chegam a gastar até R$ 50 mil em cursinhos e material didático visando o sonho de ser funcionário público.  

Um exemplo desse tipo de absurdo, são os 475 aprovados da Polícia Civil do DF que fizeram o concurso em 2013.  O pior é que os aprovados, fizeram o curso de formação em julho de 2014 e nem assim foram chamados. Ou seja, os agentes estão formados e estão aptos ao trabalho. Sem contar que as delegacias estão carentes de escrivães e agentes. 

Mais um detalhe, a Policia Civil está com um déficit de quase 3 mil policiais e a contratação dos concursados não causaria impacto nos cofres do GDF, já que os novos policiais seriam pagos com verbas do Fundo Constitucional. 

Apoios

Os aprovados da PCDF tem conseguido chamar à atenção das autoridades e imprensa. Enquanto, os aprovados esperam a sua justa e porque não obrigatória nomeação, as delegacias estão carentes de seus serviços.  Quem perde com tudo isso é a sociedade. Os bandidos curtem. 

Fonte: Redação 

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados