Publicado 03/02/15 às 09:06

Líder do governo, Raimundo Ribeiro responde o insatisfeito PR-DF



O tucano e líder do governo Raimundo Ribeiro(PSDB) depois de tomar conhecimento de uma nota do PR-DF publicada no blog(leia aqui) nesta segunda-feira,2. Ribeiro arregaçou as mangas e respondeu ao partido insatisfeito. Na carta Ribeiro deixa claro que todas medidas para deixar o DF nos trilhos já está sendo tomada. O líder também afirma que a direção do PR-DF desconhece a realidade dos fatos.  

Leia a nota na integra 

Em atenção à nota firmada pelo PR nesta data, cumpre esclarecer o seguinte:

     1.  É do conhecimento de todos, inclusive do PR, o desastre financeiro que o governo passado deixou, com salários atrasados, contratos não pagos, serviços públicos paralisados e inúmeras outras situações;
    
2. Com responsabilidade e sem demagogia, o governo Rollemberg tem trabalhado diuturnamente visando restabelecer o equilíbrio das finanças públicas e o funcionamento dos serviços;
3.      
O resultado deste esforço, em menos de 30 dias, já se faz sentir com pagamentos dos salários dos servidores, e a reativação de serviços públicos;

1.      Nesta data, o governo apresentará a sociedade um conjunto de medidas saneadoras que a médio prazo permitirá reequilibrar as finanças públicas;

5.      Ao criticar as medidas saneadoras o signatário demonstra desconhecê-las, pois, não informa que no seu conjunto, propõe a REDUÇÃO de impostos incidentes sobre remédios e produtos da cesta básica, vitais para a sociedade e que se constitui em medida de justiça social, posto que beneficiará a parcela mais sofrida da população;

6.      Demonstra também desconhecer a realidade dos fatos, à vista de todos, pois, a medidas saneadoras propostas, objetivam exatamente restaurar a economia do DF, alicerce de futuros investimentos que possibilitarão gerar renda e empregos;

7.      No tocante a rompimento de contratos, cumpre esclarecer que, o próprio Poder Judiciário, já se manifestou no mesmo sentido, o que demonstra o acerto da medida;

8.      No que concerne ao parcelamento de salário é imperioso relembrar que trata-se de medida necessária e temporária, decorrente do descalabro financeiro praticado no quadriênio 2011/2014;

Por derradeiro, convidamos o PR e toda a sociedade para debater as medidas saneadoras na CLDF, onde certamente poderá emprestar brilho ao debate, abandonando o discurso falacioso e eleitoreiro contido na Nota, ora objeto de resposta.

          Brasília, 03 de fevereiro de 2015

Raimundo Ribeiro
Líder do Governo na CLDF


Fonte: Redação 

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados