Publicado 04/02/15 às 19:38

Câmara saiu do castelo e o povo diz o que espera dos políticos


Quem diria a Câmara Legislativa do DF(CLDF) foi até a Rodoviária do Plano Piloto. Hostilidade, repulsa, ataque de tomates e ovos podres. Nada disso. A quarta-feira,4, foi diferente para quem transita todos os dias no local. Antes encastelados pelo pelo prédio da CLDF, os senhores parlamentares foram até a população. No começo os distritais estavam acuados, assustados, mas logo se soltaram e os discursos foram inflamados. 
O Câmara Em Movimento pretende ir a todas cidades-satélites do Distrito Federal. Mas o que se percebeu que o projeto é um tipo de "muro das lamentações".  Uma especie de ouvidoria ao ar livre foi instalada na rodoviária. Deu certo. Pedidos de emprego, cirurgias e até dentaduras foram os pedidos mais ouvidos. Algumas das atendentes que estavam ouvindo o povo fizeram às vezes de psicologas.  

Os 21 deputados distritais presente na improvisada sessão, não perceberam uma coisa, o povo, o povo mesmo só quer ser simplesmente ouvido. Simples assim. Uma mensagem clara aos encastelados parlamentares. Lideranças e até o mesmo pacato cidadão querem ter a chance de falar. 

Que mais sessões ao ar livre sejam realizadas próximas, a quem mais interessa: a população. O parlamento tem que ser a voz e os ouvidos do povo.

Recado dado. Será  gravado? 

Fonte: Redação 

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados