Publicado 30/01/15 às 18:56

Opinião sobre as administrações regionais

* Por Daniel de Castro 

Hoje lendo o seu comentário no Blog que versa sobre Administrações Regionais, uma questão bem menor que o nosso quadrado, me levou a escrever esse breve artigo. Não é de hoje que é sabido que os cargos comissionados de livre  provimento são usados para a composição de base política para a governabilidade. 

É natural que o governador eleito nomeie nesses cargos pessoas indicadas pelos políticos eleitos da sua coligação e outros que serão da base de apoio.Levando em consideração o discurso do governador eleito Rodrigo  Rollemberg, que fará um corte nos cargos em comissão e que haverá  eleição direta para administradores, começamos a ver uma verdadeira  movimentação política nas cidades satélites por parte de grupos para as disputas das mesmas. 

Ora, caro jornalista! Sabemos que o governador Rollemberg vai cumprir suas promessas, agora a eleição para administradores não será da noite para o dia, precisara ser obedecido critérios constitucionais o que demandara um tempo e num estudo maior apurado da sua equipe e da sua base de sustentação da CLDF, para tanto eu na minha modesta opinião acho que sua excelência deveria nomear administradores ligados as cidades satélites, compondo com sua base de apoio na CLDF, enquanto estuda as regras para as eleições. 

Assim ele cumpre sua promessa e ainda compõe sua base de apoio e nomeia seu secretariado dentro do critério técnico o que sepultará por vez esse sentimento de terceiro turno, e a expectativa de uma frente para enfrenta-lo na oposição  do governo administrando as cidades satélites.

 O que a população espera é a diminuição desses cargos em comissão e a realização de concursos públicos para que pessoas técnicas possam fazer o que os indicados políticos estão fazendo, que parte desses 
cargos sejam ocupados por já servidores de carreira. É o que penso!

Dr. Daniel de Castro Sousa 

Pastor, Advogado, Pedagogo e Cientista Político.

ZapZap
 
Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados